PESQUISA AVANÇADA E EXCLUSIVA DO GOOGLE

segunda-feira

CBF garante que Mano permanece no comando do Brasil

A eliminação precoce da seleção brasileira nas quartas de final da Copa América, realizada na Argentina, não ameaça a permanência do técnico Mano Menezes no comando da equipe, de acordo com a CBF. Em nota publicada no seu site oficial, a confederação garantiu que o presidente Ricardo Teixeira segue dando respaldo ao trabalho do treinador.

"O presidente Ricardo Teixeira fez questão de telefonar ao fim do jogo para o técnico Mano Menezes, para ressaltar que o projeto de renovação da Seleção Brasileira segue tendo em vista o objetivo principal: a Copa do Mundo de 2014", afirma a CBF, em seu site oficial.

A Copa América foi a primeira competição oficial disputada pela seleção brasileira sob o comando de Mano Menezes, que assumiu a equipe após o fracasso na Copa do Mundo da África do Sul, quando a equipe parou nas quartas de final diante da Holanda. Contratado sob o discurso de renovação da equipe, o treinador ainda não conseguiu fazer as jovens promessas do futebol brasileiro brilharem na seleção.

A equipe fez campanha ruim na Copa América, com uma vitória e dois empates na primeira fase, antes de ser batida nas quartas de final pelo Paraguai, na disputa de pênaltism em La Plata, após igualdade por 0 a 0. Com a eliminação precoce, Mano precisará recuperar a confiança do torcedor, contando com a evolução de Alexandre Pato, Neymar e Paulo Henrique Ganso, que tiveram desempenho decepcionante na competição.

Além disso, Mano ainda definirá se permanecerá apostando em jogadores experientes como o goleiro Julio Cesar, que falhou na partida contra o Equador, ainda na primeira fase da Copa América. A seleção brasileira volta a jogar no dia 10 de agosto, na cidade de Stuttgart, em amistoso contra a Alemanha.